setembro 22, 2012

Fahrenheit 451, de Ray Bradbury

Fahrenheit 451
Esse livro foi uma leitura bem diferente. Se trata de um clássico escrito há muito tempo, que é uma distopia, na qual muitos aspectos do mundo relatado nele, são do mundo de hoje.

Fahrenheit 451 conta a história de Montag, um bombeiro que, como todas as outras pessoas à sua volta, vive por viver. Mas acontece que os bombeiros desse livro não são aqueles dos dias de hoje, que apagam o fogo. Eles fazem justamente o contrário, eles atam fogo, e mais interessante ainda: em livros! Os bombeiros recebem uma denúncia que geralmente é anônima, com informações de onde as pessoas sabem ou têm suspeitas de haver livros. Assim, os bombeiros vão até o local e atam fogo nos livros, e prendem seu dono.

Ultimamente eu ando com uma preguicinha de distopias, ando com mais vontade de ler livros sobre a vida real e etc, mas esse livro me prendeu do início ao fim. É interessante ler e ir associando algumas coisas da qual são faladas no livro, que já acontecem com a nossa sociedade atual, e como há possibilidade de as coisas irem ficando cada vez mais parecidas. O contato humano que vai diminuindo, "viver por viver", sem realmente aproveitar ou observar as coisas. As coisas que Clarisse fala, uma personagem que ajuda a fazer a diferença no livro, de fazem divagar tanto sobre o assunto, que até você se pergunta se você está realmente aproveitando a sua vida, ou não.

Toda essa questão de os livros serem proibidos nessa sociedade e tudo o mais, é uma ideia muito interessante e original. Porque eles não são apenas proibidos, eles são proibidos para haver a paz. Não vou entrar muito no assunto, queria que todos vocês pudessem ler esse livro! (Sério, leiam. É muito bom, e super baratinho, pois eu li a versão Globo de Bolso e é só R$16,80 #merchan).

Uma curiosidade super legal sobre o livro, é que dois personagens importantes do livro tem nomes bem curiosos: Montag, que é uma fábrica de papel, e Faber, fabricante de lápis (sim, a Faber-Castell).

Esse livro é brilhante, maravilhoso e te faz pensar. Muito. Recomendo à todos!

Classificação

8 comentários:

Bianca Karina disse...

Já tinha visto o livro mas não tinha lido nenhuma resenha ainda! Adorei saber do que se trata e confesso que fiquei curiosa. Se trata de um assunto interessante, yeah.

Beijos

Alessandra disse...

Nossa, não conhecia esse livro. To perdendo tempo hehehe
A história parece muito interessante, e o preço mais ainda :D

Mareska disse...

Esse tá na minha lista de futuras leituras!

ana caroline basto fonseca disse...

amei a resenha e o livro vai pra minha listinha.

Vaisy Alencar Woldorf disse...

Olá, tudo bem!

Tem selinho pra você lá no Vem ler comigo!
http://vemlercomigovem.blogspot.com.br/2012/09/selinho-e-meme.html#more

Beijos

Sofia disse...

Giulia, não sei se você aceita, mas te indiquei em um meme no meu blog! http://docedementa.blogspot.com.br/2012/10/primeiro-meme-do-blog.html Parabéns pelo blog, beijos

Roseli Pedroso disse...

Oi! Demorei mas apareci para conhecer seu blog. Lindo! Parabéns! Quanto a esse livro, é Ótimo! Li durante a faculdade e amei! tema bom demais. E falando em tema bom, tenho um livro ótimo pra te indicar: Réquiem: sonhos proibidos, de Petê Rissatti. Um amigo meu que fez um puta livro! Vale a pena conhecer!
http://terracotaeditora.com.br/?p=1253
Bjs

nataliadeoliveiraescreve disse...

Adorei a ideia do seu blog!! também tenho um blog sobre livros, se quiser dar uma passadinha lá, http://nataliadeoliveiraescreve.blogspot.com.br/ , poderiamos trocar ideias!
beijus

Postar um comentário

Oi! Comente o que realmente achou do post, fico muito feliz com comentários!